Berlin Energy Transition Dialogue 2017

Berliner Energiewende-Dialog 2017 Ampliar imagem (© Auswärtiges Amt) Todos os anos, no início da primavera, a conferência sobre a transição energética Berlin Energy Transition Dialogue reúne os principais decisores internacionais no âmbito da economia da energia e da política energética externa, da indústria, da ciência e da sociedade civil, bem como especialistas de renome de todo o mundo em matéria de energia. Este ano a conferência realiza-se a 20 e 21 de março.

Os desenvolvimentos na área da energia, os instrumentos políticos inovadoras, as oportunidades de investimento e ideias de negócio: estes são os principais temas do Berlin Energy Transition Dialoguesobre a transição energética, que se realiza anualmente. A conferência é organizada pelo Governo Federal alemão, em colaboração com a Federação Alemã de Energias Renováveis (BEE), a Federação das Empresas do Setor da Energia Solar (BSW-Solar), a Agência alemã da Energia (dena) e a empresa de consultoria eclareon. Para além de um programa de conferências de dois dias, os participantes terão a possibilidade de experienciar pessoalmente o que significa a transição energética, ao participarem no programa oficial suplementar e nas excursões, que decorrem durante toda a semana de 20 a 24 de março de 2017.

Em foco: implementar a Acordo de Paris sobre o clima

No ano passado, o investimento mundial em fontes de energia renováveis ultrapassou o investimento em tecnologias fósseis e nucleares. Numerosos países aumentaram substancialmente a sua eficiência energética e começaram a digitalizar o seu setor energético. Avançam, assim, as profundas mudanças estruturais em direção a um sistema energético económico, seguro e ecológico, baseado na inovação. Para alcançar os objetivos do Acordo de Paris e as metas de desenvolvimento sustentável no âmbito da Agenda 2030 da ONU, é necessário reforçar a coordenação em questões energéticas, valorizar a política externa em matéria de energia e a cooperação internacional, favorecendo a aprendizagem mútua. A conferência deste ano enfoca as seguintes questões:

  • O desenvolvimento bem-sucedido e rentável do sistema energético em linha com os objetivos do Acordo de Paris sobre o clima e as metas de desenvolvimento da Agenda 2030 da ONU.
  • A criação das melhores condições-quadro para alavancar, em momento oportuno, os investimentos necessários em eficiência energética e energias renováveis.

Participantes de alto nível

O Berlin Energy Transition Dialogue já deu provas de ser uma excelente plataforma que reúne um público internacional do âmbito público e privado, a fim de discutir abordagens viáveis para a transformação em curso no setor da energia - a transição energética. Mais de 1000 participantes, 70 países, 50 delegações de Estado e 30 ministros da energia e das relações externas irão aproveitar a oportunidade de estabelecer contactos e desenvolver soluções para a transição energética global. Graças ao uso de meios de comunicação inovadores, incluindo as redes sociais, as discussões serão mais dinâmicas do que nunca.

Para mais informações, consulte www.energiewende2017.com