Tratado do Eliseu

Beleuchteter Französischer und Deutscher Dom Ampliar imagem (© picture alliance / dpa) Desde há 55 anos, tem sido o alicerce da amizade com o nosso vizinho ocidental: o Tratado de Cooperação Franco-Alemã, também conhecido como "Tratado do Eliseu", de 22 de janeiro de 1963. Instituiu uma reorganização fundamental das relações franco-alemãs, bem como consultações regulares e muito mais. A Alemanha não mantém uma parceria institucionalizada tão forte com nenhum outro Estado. Um facto que é menos conhecido é que a delegação que acompanhou o Chanceler federal Adenauer na visita ao Presidente de Estado de Gaulle, em Paris, se esqueceu de levar o material necessário para firmar o contrato. É por isso que o exemplar alemão também está escrito em papel de contrato francês. E, para o Chanceler federal, que usava sempre como selo o brasão de armas da sua família (como era costume na época), foi feito de propósito um carimbo com as iniciais do seu nome.

Außenminister Gabriel und Präsident Macron mit dem Elysée-Vertrag

Parlamentos por um novo Tratado do Eliseu

O Bundestag e a Assembleia Nacional querem reforçar e aprofundar a amizade alemão-francesa.

Tratado de Cooperação Franco-Alemã

Flaggen Deutschlands, der Europäischen Union und Frankreichs