Bona, a sede alemã da ONU

Ampliar imagem

Bona, ex-capital federal, tornou-se, nos últimos anos, um importante pólo das Nações Unidas. Nas instalações da ONU, estão localizados 18 do total de 25 gabinetes da organização existentes na Alemanha.

Em Nova Iorque, na sede das Nações Unidas, e em todo o mundo, a Alemanha empenha-se nos objectivos da comunidade internacional. Por outro lado, a ONU também tem uma forte presença na Alemanha. Em particular a ex-capital federal Bona tornou-se, nos últimos anos, um pólo importante da ONU. Um importante passo nesta direcção foi a abertura, em Julho de 2006 - pelo então secretário-geral das Nações Unidas, Kofi Annan, e pela Chanceler federal, Ângela Merkel - das instalações da ONU, nas antigas instalações do Bundestag (parlamento federal alemão).

Desde então, 18 dos 25 gabinetes da ONU na Alemanha instalaram-se ali, um sinal evidente do multifacetado empenho alemão nas Nações Unidas. O número de funcionários da ONU em Bona subiu de algumas dezenas, em meados dos anos 1990, para os mais de 800 actuais. Com 450 colaboradores, o Secretariado da Convenção-Quadro das Nações Unidas para as Alterações Climáticas (UNFCCC) emprega, de longe, a maior parte do pessoal entre as organizações da ONU na Alemanha. Os funcionários da comunidade internacional têm, na sua maioria, os seus gabinetes nas instalações da ONU em Bona, próximo da margem do rio Reno, no “Langer Eugen”, o edifício onde anteriormente se encontravam os gabinetes dos deputados do Bundestag.

Além da presença em Bona, a ONU mantém outros gabinetes na Alemanha: em Berlim, Hamburgo e Frankfurt do Meno. Berlim possui uma representação do Alto Comissariado para os Refugiados e um gabinete da Organização Internacional do Trabalho (OIT). Em Novembro de 2004, juntou-se-lhes ainda um gabinete do Programa Alimentar Mundial (PAM) e, em 2007, outro do Banco Mundial. Em Hamburgo, o Instituto UNESCO da Educação (UIE) já está presente desde 1951 e desde 1996 que o Tribunal Internacional do Direito do Mar tem também o seu endereço nesta cidade portuária. Já a metrópole financeira Frankfurt hospeda um gabinete do grupo do Banco Mundial.

O facto de diversas instituições da ONU terem na Alemanha os seus secretariados ou de abrirem gabinetes no país, mostra também que as Nações Unidas reconhecem o forte empenho da Alemanha na comunidade internacional.

Da protecção climática à formação profissional: as Nações Unidas em Bona

Com 18 gabinetes da ONU, a ex-capital federal Bona é, actualmente, o mais importante pólo das Nações Unidas na Alemanha. Ali encontram-se instalados, entre outros, os seguintes secretariados e programas das Nações Unidas:

Programa de Voluntários das Nações Unidas (VNU)

O programa constitui o centro de coordenação do serviço de voluntários das Nações Unidas. Desde 1971, o UNV mobilizou dezenas de milhares de técnicos qualificados, que se empenham pela paz e pelo desenvolvimento.

Secretariado da Convenção-Quadro das Nações Unidas para as Alterações Climáticas (UNFCCC)

O secretariado da convenção aprovada em 1992 apoia, entre outros, as negociações sobre as alterações climáticas, organiza conferências e analisa e verifica as informações e dados relativos às alterações climáticas, obtidos pelos países signatários da convenção.

Secretariado da Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação (UNCCD)

Criado em 1999, a UNCCD apoia a implementação do acordo contra a perda de solos férteis e o avanço da seca, ambos causas de escassez de alimentos e de vagas de fome. O secretariado prepara as reuniões das conferências entre os países signatários e apoia países em desenvolvimento, sobretudo em África.

Secretariado da Convenção sobre a Conservação das Espécies Migratórias de Animais Selvagens (UNEP/CMS)

O secretariado, fundado em 1984, desenvolve e incentiva acordos para a protecção global de espécies animais e habitats ameaçados. Organiza conferências, apoia e coordena projectos de pesquisa e protecção, e coopera com governos e outras organizações.

Secretariado do Acordo para a Conservação das Aves Aquáticas Migradoras Afro-Euroasiáticas(UNEP/AEWA)

O objectivo do acordo é a protecção dos habitats das aves aquáticas nas suas rotas de migração. Protege mais de 200 espécies de aves aquáticas, numa região que cobre aproximadamente 40% da superfície da Terra. Desde 2000, o acordo é coordenado pelo Secretariado da AEWA em Bona.

Universidade das Nações Unidas – Vice-reitorado na Europa (UNU-ViE)

O UNU-ViE foi instalado em Junho de 2007 como primeiro vice-reitorado da UNU fora da sede da UNU, em Tóquio. O vice-reitorado visa o fortalecimento da presença da UNU na Europa e o desenvolvimento de ligações estreitas entre os organismos do sistema ONU, governos e instituições de ensino superior e pesquisa.

Universidade das Nações Unidas – Instituto para o Meio Ambiente e Segurança Humana (UNU-EHS)

A Universidade das Nações Unidas criou o Instituto para o Meio Ambiente e Segurança Humana (UNU-EHS) para estudar a vulnerabilidade ea capacidade das populações suportarem as ameaças de origens naturais e humanas, num meio ambiente em transformação.

Centro Internacional da UNESCO para a Educação e Formação Técnica e Profissional (UNESCO-UNEVOC)

O Centro Internacional UNESCO-UNEVOC ajuda os países membros, de todo o mundo, a desenvolver e melhorar os seus estabelecimentos para formação profissional e a formação contínua no local de trabalho.

© deutschland.de

Bandeira da ONU

Bandeira da ONU

Dias das Nações Unidas 24 de Outubro, data que marca a entrada em vigor da Carta da ONU em 1945, é comemorado desde 1948.